Psicanálise: feminismos e femininos

CURSO MINISTRADO POR: Carla Rodrigues

VAGAS: 32

CARGA HORÁRIA: 8h

DIAS DO CURSO: 09 e 10/11/2018 - 20h

 

O curso visa apresentar um panorama conceitual e genealógico das relações entre psicanálise e feminismo, bem como as especificidades das distintas teorias sobre feminilidade na psicanálise, mais detidamente em Freud e Lacan, e suas relações com as teorias feministas.

Nº de pessoas:

-

+

Limpar

R$ 350,00

Ementa do Curso

O curso visa apresentar um panorama conceitual e genealógico das relações entre psicanálise e feminismo, bem como as especificidades das distintas teorias sobre feminilidade na psicanálise, mais detidamente em Freud e Lacan, e suas relações com as teorias feministas.

9/11, 20h às 22h
Freud no divã com Beauvoir
Nessa aula abordaremos de maneira cruzada os pioneirismos de Freud e Beauvoir em suas teorias da constituição feminina, sublinhado seus pontos de convergência, tensões e destinos conceituais e políticos de suas premissas.
– Com Helena Canto Gusso (psicanalista, terapeuta na instituição projetos terapêuticos), Manuela Borghi Crissiuma (psicanalista, membro do Grupo de Estudos e Trabalho em Psicanalise e Feminismo)Mariana Facanali Angelini (psicanalista, membro do Grupo de Estudos e Trabalho em Psicanalise e Feminismo), Pedro Ambra (psicanalista, doutor em Psicologia Social pela USP, professor titular da Universidade Ibirapuera) e Renata Conde (psicanalista, professora da Escola de Psicanálise de São Paulo, membro do Grupo de Estudos e Trabalho em Psicanálise e Feminismo).

10/11, 10h às 12h
Lacan e o feminismo
Neste encontro, abordaremos o debate estabelecido entre Lacan e o feminismo nos anos 70. Introduziremos, de um lado, a leitura que o feminismo francês de Luce Irigaray, Hélène Cixous, Michèle Montralay, Julia Kristeva e Monique Wittig fizeram da psicanálise; de outro, a apreensão do lacanismo por Gayle Rubin e seus efeitos para os gender studies. Por fim, apresentaremos a conduta lacaniana neste contexto: o desenvolvimento de sua teoria da sexuação.
– Com Rafael Kalaf Cossi (psicanalista, doutor em Psicologia clínica pela USP, autor de Lacan e o feminismo: a diferença dos sexos)

10/11, 13h às 15h
O Feminino de ninguém
A aula pretende abordar a questão do feminino em Freud e seus desdobramentos em Lacan com a lógica do gozos feminino e masculino e sua articulação com a posição subjetiva singular
e com as atuais identificações comunitárias.
– Com Ana Lucia Lutterbach(psicanalista, doutora em Teoria Psicanalítica pela UFRJ, autora de Patu, uma mulher abismada, entre outros)

10/11, 15h às 17h
Do dizer ao dito, do feminino ao feminismo
Teoria psicanalítica e teoria feminista compartilham a ligação à uma prática – clínica e ativista – e a um tema, a diferença sexual. A centralidade do debate em torno das diferenças sexuais produziu – e em alguns casos ainda produz – dificuldades de escuta de parte a parte. O que esse encontro pretende é aparar arestas a fim de ampliar as áreas de intersecção entre as duas teorias.
– Com Carla Rodrigues (doutora em Filosofia pela PUC-Rio, professora do dpto. de Filosofia da UFRJ e autora de Duas palavras para o feminino, entre outros)

Ministrado por

Carla Rodrigues

Doutora em Filosofia pela PUC-Rio, professora do departamento de Filosofia da UFRJ, autora, entre outros de Duas palavras para o feminino (NAU Editora)

Aulas

AULA 1
Data: 09/11/2018
Horário: das 20h às 22h

____________________________________

AULA 2
Data: 10/11/2018
Horário: das 10h às 12h

_____________________________________

AULA 3
Data: 10/11/2018
Horário: das 13h às 15h

____________________________________

AULA 4
Data: 10/11/2018
Horário: das 15h às 17h