CULT #265 | JANEIRO 2021

EDIÇÃO: 265

PÁGINAS: 60

 

2020 é ao mesmo tempo um ano para ser esquecido e um ano para não esquecer, contradição que se apresenta como um desafio para nossa compreensão de memória, de luto e de esquecimento. Para não esquecer, escrevemos. Para esquecer, também escrevemos, deixando registrado aquilo que poderá ser lido sobre nós no futuro. 

Quantidade:

-

+

R$ 25,00

Detalhes da Edição

Para viver no fim do mundo
Carla Rodrigues

Cem anos depois, um novo fascismo
Acácio Augusto

Quando vidas são descartáveis, nenhuma vida é um valor em si
Camila Jourdan

Fúria nas ruas
Flavia Rios

A pandemia e o governo dos corpos
Edson Teles

Matar e deixar morrer: o Brasil das prisões
Fernanda Mmartins

Quando se diz não
Juliana de Moraes Monteiro

Vírus, vermes e a estranha sintomatologia dos dias atuais
Suely Aires

Sonhos para digerir emoções
Natália Mota

Direito ao aborto
Sonia Corrêa

A guerrilha das filósofas
Juliana Aggio

Ficha Técnica

ISSN: 1414707-6
Edição: 264
Data: Dezembro 2020
Páginas: 60
A Revista CULT é uma publicação mensal da Editora Bregantini