Antologia Poética #3

EDIÇÃO: 3

PÁGINAS: 58

 

Os poemas desta antologia foram escritos durante os meses – que ainda não terminaram – da pandemia.

Quantidade:

-

+

R$ 25,50

Detalhes da Edição

Os poemas desta antologia dizem respeito às violências históricas e diárias que acontecem no Brasil, país em que sete mulheres são estupradas a cada hora, em que quatro meninas de até treze anos são estupradas a cada hora, país que, historicamente, comete violência contra as mulheres, contra os povos originários, contra a população indígena, contra a população negra, contra a população LGBTQIA+. Os poemas desta antologia foram escritos durante os meses – que ainda não terminaram – da pandemia. Eles trazem as vidas que não cabem nos cálculos, eles trazem cálculos que excedem os cálculos, eles trazem o que há de incontável, de irreversível, de irreparável. (Danielle Magalhães, poeta e curadora)

Participaram desta edição:
abigail Campos Leal, Adriane Garcia, Augusto de Campos, Caio Meneses, Carlos Orfeu, Cristiane Sobral, Eliane Marques, Farney Tourinho de Souza Omágua Kambeba, Guilherme Gontijo, Isabela Penov, Jennifer Trajano, Kaio Romero, Karina Santos Kambeba, Lian Tai, Mar Becker, Marcela Cantuária, Marcelo Labes, Miriam Alves, Moisés Alves, Paolo Ridolfi, Paula Puiupo, Pegge, Samara Poetax, Tatiana Nascimento, Valeska Torres

Ficha Técnica

Formato: 21,50 x 32 cm
58 páginas
Capa Marcela Cantuária
Direção de arte Fernando Saraiva